Imposto de Renda: Receita volta atrás sobre declaração de Bens e Direitos

Se você faz parte do grupo de contribuintes que devem fazer a declaração do imposto de renda 2019, essa notícia vai te interessar. Anualmente, algumas das regras da DIRPF são alteradas, inclusive sobre a declaração de bens e direitos.

Em 2018, por exemplo, diversas mudanças estavam em fase de implementação na declaração de ajuste anual. Em 2019, por outro lado, essas mesmas mudanças têm caráter obrigatório. Porém, uma alteração já divulgada foi reconsiderada pela Receita Federal na manhã do dia 27 de fevereiro.

Veja quais as novidades em vigor sobre a declaração de bens e direitos da DIRPF.

Declaração de bens e direitos 2019

Na manhã do dia 27 de fevereiro, foi divulgado pelo portal da RFB a mudanças na obrigatoriedade de declarar informações da categoria bens e direitos. Anteriormente, diversas outras mudanças já haviam sido declaradas.

Dentre as alterações para a declaração de IRPF 2019, estavam a exigência de informar o CPF de todos os dependentes, enquanto em 2018 a necessidade era exclusiva para dependentes a partir de 12 anos, por exemplo.

No que diz respeito a declaração de bens e direitos, informar a data de aquisição de imóveis e número do Renavam e IPTU, dentre outros, era opcional em 2018. Para este ano, passou a ser obrigatória. Porém, a Receita Federal voltou atrás nessa mudança. Assim, para os contribuintes que devem declarar o IRPF este ano, vale a regra de 2018 para a categoria de bens e direitos.

Então, veja na tabela abaixo as mudanças em vigor que valerão para o exercício 2019.

Alterações nas obrigações tributárias da DIRPF 2019

De acordo com a coornadora tributária do grupo Sage, Andrea Nicolini:

"Caso o contribuinte tenha acesso as informações complementares, recomendo que as declare, pois mostram maior segurança por parte do contribuinte junto à Receita. Mas se não informar, este ano a declaração não acusará erro."

Por fim, divulgue a novidade para ajudar outros contribuintes a se organizar com os documentos para imposto de renda 2019. E, claro, para não ser retido na malha fina da Receita Federal!

Por: Rede Jornal Contábil

Link original: https://www.jornalcontabil.com.br/imposto-de-renda-receita-volta-atras-sobre-declaracao-de-bens-e-direitos/?fbclid=IwAR1ZB0_DHE11w6e1TA_wJCSEzvQM7aiYVNVmYCO9P7S8JxqtaByZ2y8fJ90


Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Nenhum tag.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • Instagram

© 2021 T&M Consulting.